Trump assinou ordem onde empresas chinesas foram boicotadas do pais

Como vem sendo falado pela imprensa onde o Presidente Donald Trump, estava querendo boicotar o tiktok.

O mesmo acontecera com outras empresas, WeChat uma delas concorrente do Whatsapp na china também foi alvo.

Essas ordens executivas se foram para proibir as mesmas no seu pais.Aplicativos chineses TikTok e WeChat por 45 dias se não for vendidos para empresas estadunidenses.

Em relação ao TikTok, a ordem determina a proibição.

Esta decisão da quinta-feira aumenta a Coação para a venda do TikTok para uma empresa estadunidense. A Microsoft, afirmou que as negociações estão avançando.

Trump ja havia dito que a negociação envolvendo o aplicativo deveria colocar uma quantidade “substancial de dinheiro" ao Tesouro do pais.

Mas, a ordem assinada nesta quinta-feira não tem esse dispositivo.

O documento alega que o TikTok “captura automaticamente vastas faixas de informações de seus usuários".

Algum dos dados pegos pelo aplicativo são: localização e históricos de navegação e pesquisa.

E isso na visão dele “ameaça permitir ao Partido Comunista Chinês acesso às informações pessoais e proprietárias dos americanos – potencialmente permitindo que a China rastreie a localização de funcionários e empreiteiros federais, construa dossiês de informações pessoais para chantagem e conduza espionagem corporativa".

Conteudo

weChat

O Presidente Americano emitiu ainda ordem igual ao WeChat, aplicativo de conversa, desenvolvido para companhia chinesa Tecent. O aplicativo também permite que os usuários transfiram fundos uns para os outros.

 

 

0/5 (0 Reviews)